REORGANIZANDO RECURSOS, ESPAÇOS E TEMPOS NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Mônica Isabel Canuto Nunes

Resumo


A aprendizagem e o desenvolvimento das crianças de zero a cinco anos passam pela utilização eficaz e consciente dos recursos, espaços e tempos da instituição de educação infantil. Adotar propostas pedagógicas que consigam otimizar tudo isso é um desafio aos profissionais que atuam nesse nível de ensino, de forma a promover a articulação entre o cuidar e o educar. Este trabalho objetiva relatar a experiência da execução de um projeto de extensão em quatro instituições de educação infantil nos seguintes municípios goianos: Pires do Rio, Orizona e Ipameri. O projeto foi desenvolvido no ano de 2014, entre os meses de fevereiro a dezembro, envolvendo acadêmicas do 3º ano de Pedagogia da Universidade Estadual de Goiás-Câmpus Pires do Rio. As metodologias utilizadas envolveram a arrecadação de brinquedos e livros infantis, a formação continuada dos professores em dois momentos distintos, a organização dos espaços e recursos através da criação de “cantos” para as crianças e a reestruturação da rotina do trabalho pedagógico com as crianças. Após a intervenção foi possível compreender a necessidade de investimentos na formação inicial e continuada dos profissionais atuantes nesse nível de ensino e a adoção de propostas pedagógicas que coloquem a criança como centro do processo ensino-aprendizagem, dando-lhe oportunidades para ela ser, de fato, criança.


Palavras-chave


educação infantil; espaços; tempos; recursos

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL, Mec. Referencial Curricular para a educação infantil. Ministério da educação e do Desporto Secretaria de Educação Fundamental/Brasília, 1998/v1, 2,3.

BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de educação básica. Diretrizes Curriculares Nacionais para a educação infantil /Secretaria de Educação Básica - Brasília, MEC, Seb 2010.

CAMPOS, Maria Malta; ESPOSITO, Iara Lúcia; BHERING, Eliana; GIMENES, Nelson; ABUCHAIM, Beatriz. Qualidade da Educação Infantil: um estudo em seis capitais brasileiras. Cadernos de Pesquisa – V. 41 N. 142, Jan/Abril, 2011.

KRAMER, Sonia (coord.). Com a Pré-Escola nas mãos. Uma alternativa Curricular para a Educação Infantil. São Paulo. Ática, 1990.

MARTINS FILHO, Altino José. Por uma Pedagogia da Educação Infantil. Revista Poiesis – Volume 3, Números 3 e 4, pp. 54-65, 2005/2006.

OLIVEIRA, Zilma Ramos de. Educação Infantil: Fundamentos e métodos. São Paulo: Cortez, 2002.

OSTETTO, Luciana E. (org.). Educação infantil: Saberes e Fazeres da formação de professores – 5ª ed. - Campinas, SP, Papirus, 2012a

______. Encontros e Encantamentos na educação infantil: partilhando experiências de estágio – 10ªed - Campinas, SP, Papirus, 2012b




DOI: http://dx.doi.org/10.33837/msj.v1i12.596

Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários




Direitos autorais 2018 Mônica Isabel Canuto Nunes

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Revista Indexada nas seguintes bases:

 

          

Uma publicação da Diretoria de Pesquisa e Pós-Graduação do IFGoiano - Câmpus Urutaí

 

  

 Licença Creative Commons

Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.