DA EXCLUSÃO A INVISIBILIDADE: A EDUCAÇÃO DOS NEGROS GOIANOS 1830-1930.

CRISTIANE Maria RIBEIRO

Abstract


O objetivo da pesquisa foi identificar o projeto político educacional da população negra goiana no período de 1830-1930.  Os dados são oriundos de três fontes principais, a legislação educacional do período, o jornal Correio Official de Goyaz, periódico de maior circulação na época e dos relatórios dos presidentes da província. Os dados explicitam  que estiveram dispostos nas páginas do jornal discursos e atos governamentais e na própria legislação educacional ações que sinalizaram um “projeto educacional” para a população negra. Entre elas é possível mencionar: debates sobre a falta de instituições que abrigassem filhos de escravas; apontamentos sobre as dificuldades práticas para a efetivação da educação dessa população; atos de incentivo fiscal para os benfeitores das instituições destinadas a educação dos ingênuos, e atos de autorização e criação dessas instituições e

algumas esparsas ações nesse sentido. Por outro lado, mostraram uma completa ausência de preocupação com a educação no período pós-abolição.

Keywords


negros - educação - Goiás



DOI: http://dx.doi.org/10.33837/msj.v1i13.658

Refbacks

  • There are currently no refbacks.

Comments on this article

View all comments




Copyright (c) 2018 CRISTIANE Maria RIBEIRO

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Indexed in:

          

A publication of the "Diretoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação", IFGoiano - Campus Urutaí

 

  

 Licença Creative Commons

License: Creative Commons - Attribution 4.0 International.