A barra do Governo Federal só poderá ser visualizada se o javascript estiver ativado. Ir direto para menu de acessibilidade.

Opções de acessibilidade

GTranslate

    pt    en    fr    es
Início do conteúdo da página
Stricto sensu

Avaliação da CAPES sobe conceito de Programas de Pós-graduação do IF Goiano

0
0
0
s2sdefault
Publicado: Quinta, 15 de Setembro de 2022, 18h19 | Última atualização em Terça, 20 de Setembro de 2022, 08h51 | Acessos: 541

Dos doze Programas de Pós-graduação Stricto sensu geridos pelo IF Goiano, oito tiveram aumento da nota 3 para 4 e um teve aumento de conceito 4 para 5.

Divulgado na segunda-feira, 12, o resultado da avaliação Quadrienal da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) dos Programas de Pós-graduação Stricto Sensu (PPGSS) do Instituto Federal Goiano (IF Goiano) eleva conceito de nove cursos da Instituição e mantém avaliação de outros três. O total de oito dos doze Programas de Pós-Graduação Stricto Sensu (PPGSS) do IF Goiano tiveram aumento da nota 3 para 4 e um da nota 4 para 5. Os outros três programas institucionais mantiveram as notas anteriores. Os resultados compreendem a avaliação quadrienal da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), divulgada na segunda-feira, 12.

Além destes, o IF Goiano integra dois outros Programas de Pós-Graduação em rede: o mestrado em Educação Profissional e Tecnológica - ProfEPT e o doutorado em Biotecnologia e Biodiversidade, cujas notas – 3 e 4, respectivamente, também foram mantidas nesta avaliação.

Com os conceitos atuais, a Instituição passa a ter dois PPGSS nota 5, dois cursos de mestrado e um de doutorado, mais oito programas com nota 4 e dois com nota 3. A Pró-reitoria de Pesquisa de Pós-Graduação e Inovação (Proppi) explica que, para a maioria dos Programas da Instituição, esse é o primeiro ciclo completo pelo qual eles foram avaliados. Não houve programas com redução de nota. 

A avaliação corresponde ao período 2017 a 2020 e observa a qualidade dos cursos de mestrado e doutorado oferecidos no país e, ainda, a renovação da autorização para continuarem funcionando.  

Notas dos Programas de Pós-Graduação do IF Goiano no quadriênio anterior (2013 a 2016) e no último quadriênio (2017-2020) publicado em 2022.

Esse sistema de avaliação é considerado um dos mais complexos do mundo e feito por meio da  coleta de dados da Plataforma Sucupira, da Capes. Anualmente, essa base recolhe os dados fornecidos pelos Programas e, a cada quatro anos de acompanhamento, emite o conceito do curso por meio de notas, que variam de 1 a 7.

Notas entre 1 e 2 implicam descredenciamento do curso. A maior parte deles, quando implantados, recebem nota 3 - que é alterada apenas após um quadriênio completo de avaliação. As notas 4 e 5 representam desempenho bom e muito bom. O conceito 5 representa a nota máxima para um programa que possui apenas mestrado, e representa a excelência nacional daquele curso. Já as notas 6 e 7 expressam a excelência internacional do Programa.

Agrupamento por nota dos Programas de Pós-Graduação stricto sensu geridos unicamente pelo IF Goiano

De acordo com a Proppi, o aumento nos conceitos é consequência de vários fatores importantes, como a institucionalização da Pesquisa, editais de apoio financeiro para publicações científicas, participação em eventos no Brasil e exterior e editais de financiamento à Pesquisa. Outro ponto a ser destacado é o sistema de autoavaliação dos programas mediante meio de um acompanhamento contínuo dos indicadores e do  Seminário interno de Avaliação dos Programas de Pós-Graduação (Semapós).

Neste evento, consultores externos com experiência na gestão de programas de pós-graduação avaliam previamente o relatório dos cursos  e, durante o Seminário, apresentam as suas considerações e sugestões de melhoria dos indicadores.

Outro ponto essencial para a consolidação dos Programas é o apoio das agências de fomento como a  Financiadora de Estudos e Projetos( FINEP), Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (FAPEG), CAPEs e Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), que visam ao financiamento de projetos e bolsas para estudantes.

De acordo com o reitor do IF Goiano, Elias Monteiro, o aumento do conceito dos programas poderá ser revertido em benefícios para todos os níveis de formação oferecidos pelo IF Goiano, incluindo especializações, bacharelados, licenciaturas, engenharias e cursos técnicos.  O aumento das notas amplia, ainda, a possibilidade de implantação de novos cursos de doutorado, haja vista que somente Programas com nota mínima de 4 podem submeter propostas para esse nível de formação.

 

Diretoria de Comunicação Social

registrado em:
Fim do conteúdo da página